Scroll Top

Doenças e Tratamentos

23 Remédios Caseiros para Cuida da Eczema

Talvez o seu primeiro pensamento, quando o médico fez diagnóstico do problema, tenha sido: ” Por que eu ?” ” Por que ser premiado com essa coceira e essa áspera secura de um eczema?” ” Por que tenho eu de sofrer das agruras de uma dermatite?” . O seu médico está qualificado para responder a essas perguntas, por mais difíceis que sejam. Mas saiba que você não está só. Segundo as últimas estatísticas oficiais norte-americanas, perto de nove milhões de americanos por ano sofre de alguma forma de dermatite. Haja coceira. As seguintes dicas destinam-se a ajudar as pessoas diagnosticadas por médico: será possível controlar a coceira e o ressecamento da pele, que costumam acompanhar essas afecções? Os especialistas nos dizem que, em geral, a melhor maneira de controlar o prurido do eczema e da dermatite, pelo menos em casa, é mantendo a região bem úmida e lubrificada. Por esse motivo, muitos desses procedimentos propostos em Pele seca e prurido Invernal, á p.350, também podem ajudar.

Ambiente seco. A dermatite  se agrava com ar seco, sobretudo durante o inverno rigoroso, quando se usam os aquecedores. ” O calor  do ar resseca mais do que qualquer tipo de calor “. Como ar seco costuma agravar a dermatite ou o eczema, cumpre manter a unidade do ar na casa. ” Se puder combater o ar seco com um vaporizador ou umidificador de ar, isso deixa de ser um problema” observa o médico. No entanto, advertem os especialistas, não espere milagres de um mero umidificador. “As pessoas acham que um vaporizador em casa resolve o problema. ” Porém os umidificadores são como os condicionadores de ar, só os grandes conseguem bom resultado. A não ser que se durma junto dele. Coloque-o ao lado da cama”.eczema

Banho. A antiga crença, de que as pessoas com dermatite deveriam evitar o banho, tem sido questionada. Alguns médico acham que o exagero passa a agravar o problema, outros já dizem que o banho regular reduz a probabilidade de infecções e amolece a pele. Nossos consultores, em geral, caem na segunda categoria. ” Tome banho, mas só de água morna”.

Uso de sabonete. Você não precisa abandonar o sabonete: basta umidificar a pele depois do banho,, para impedir o ressecamento. ” Só se banhe com frequência se depois usar creme hidratante”. ” O creme preserva a água ; pele seca é decorrência de perda de água, não  de oleosidade”. Entre os emolientes preferidos, várias são as marcas recomendadas. Dos importador vale ressaltar o complex-15, o Eucerin, o Keri, a Lubriderm  Lotion. Mas cremes comuns têm excelente resultado, como o Nivea.

Banho de aveia coloidal. Para amaciar ainda mais a pele, acrescentar á água do banho ( em banheira ) aveia coloidal, como a importada Aveeno, e usar aveia no lugar dos sabonetes comuns. Para o banho 2 xícaras de aveia coloidal numa banheira de água morna. O termo coloidal se refere á aveia triturada, um pó fino que permanece suspenso na água. Para usar com sabonete, enrole a aveia num lenço, amarre-o com uma borrachinha, mergulhe-o na água, orça-o, use como esfregão.

Evitar os antitranspirantes. Sais metálicos como o cloreto de alumínio, o sulfato de alumínio e o cloridrato de zircônio são ingredientes ativos de muitos antitranspirantes. Causam irritação em pessoas com pele sensível. ” Em geral é o antitranspirante, não o desodorante, que age como fator irritante”. “Recomendo um produtos importado chamado Aqueous   Zephiran, vendido sem receita médica”. Mas se você pretende sempre usar os antitranspirantes, use algum que contenha antiirritantes como alantoinato, óxido de zinco, óxido de magnésio, hidróxido de alumínio ou trietanolamina.

Pomada de hidrocortisona. Cremes, pomadas e loções que contêm cortisona são muitas vezes empregados para aliviar o prurido e a inflamação da dermatite ou eczema. A hidrocortisona é o mais suave agente dessa família medicamentosa ( a dos hormônios corticosteróides). Vendido em farmácias como emoliente não-irritante. ” A hidrocortisona a meio por cento é vendida sem prescrição médica”. ” O creme de Hidrocortiona a 0,05% não é nocivo”, acrescenta o médico. Já os cremes mais concentrados podem ter efeitos adversos sérios e não devem ser usados sem prescrição médica.

Roupas de algodão. ” Roupas de algodão na pele atingida são melhores do que a lã ou o poliéster, sobretudo a lã “. Fundamental é evitar tecidos sintéticos ou pruriginosos, roupa apertadas ou de número errado. Que podem desencadear o prurido.

Manicure. Pesquisas recentes conduzidas na Cleveland Clinic Foundation revelaram que os produtos de acrílico, usados por manicures, podem causar ” Frequentes casos de dermatite“. São encontrados em unhas artificiais, extensores de unha, e artigos semelhantes, podendo trazer irritação ocular, nasal e respiratória, além de dermatite alérgica de contato. Esses produtos só eram empregados em salões de beleza e hoje podem ser usados em casa. Apesar disso,”Provavelmente  a maioria das pessoas não têm problema com unhas artificiais “.” O problema era o do fixador: os primeiros continham formaldeído, além de outros polímeros nas unhas artificiais”. Se você suspeitar de reação será evitá-los.

Curativos úmidos. Os curativos frios e úmidos ajudam a aliviar o prurido da dermatite de contato. Misture o leite com cubos de gelo e deixe descansar por alguns minutos. Derrame-o então numa almofada de gaze ou num pedaço fino de algodão e aplique-o á região atingida durante 2 ou 3 minutos. Torre a umedecer a gaze e faça nova aplicação, dando continuidade ao processo durante uns 10 minutos. Esse tratamento para casos de eczema ou dermatite generalizados, ás vezes o processo é tão intenso que acaba vertendo secreção nas regiões atingidas. Condição conhecida como eczema úmido ou exsudativo, que, segundo alguns médicos, responde bem a compressas frias, várias vezes ao dia. Se não resolver, consulte imediatamente o médico.

Calamina. ” A loção de calamina é boa para tipos de erupção em que se formam exsudatos, que precisam ser secado”. “Além disso, a loção de calamina com mentol ou fenol pode ser comprada sem receita médica e parece mais eficaz que a loção pura”.

Alimentação. “As alergias alimentares desempenham importante papel na dermatite atópica durante a infância”. “Guardam íntima relação antes dos 6 anos de idade, e é possível não só controlar a dieta da criança como também tratar-lhe a pele”. Tradicionalmente, os ovos, o suco de laranja e o leite eram considerados agravantes do eczema em crianças. ” eu não incriminaria de imediato esses produtos”. Isso significa que os pais precisam consultar os médicos sobre as modificações da dieta, para localizar o problema. A dieta parece funcionar melhor em lactentes com menos de 2 anos. “Depois dos 6, o papel da alimentação, nesses casos, declina muito”, para adultos. Entrega a dieta aos pacientes. Se você achar que algum alimento tem efeito adverso sobre a pele, evite-o para ver o que acontece. Se o problema ceder, talvez seja mesmo alergia alimentar.

Temperatura ambiente. “Quem tem eczema“. “tem problema com as rápidas alterações de temperatura”. Sair de uma sala aquecida para o frio do inverno, na rua, ou mesmo de um ar condicionado para uma ducha quente, são fatores que podem desencadear prurido. No primeiro caso, o certo é usar roupas de algodão sobrepostas, como maneira de proteger-se. Naturalmente, no segundo caso, deve-se evitar banhos de banheira ou ducha quente. Um pouco de premeditação ajuda a evitar esse tipo de problema.

Papel sanitário. Para controlar o prurido da dermatite de contato ” o melhor papel é o sanitário branco”. ” Os corantes é que irritam”.

Cuidado com as loções de bebê.” As loções de bebê ás vezes não servem para o eczema infantil”, ” Possuem elevado teor hídrico capaz de secar e irritar ainda mais a pele na evaporação”. Algumas fragrâncias e ingredientes ativos nessas loções ( Ianolina e óleo mineral) são causas comuns de alergia. ” O que se deve usar são os cremes e as pomadas”.

Uréia. Os emolientes que contêm uréia.  São muito bons para aliviar o prurido do eczema ou da dermatite. “A uréia é um agente na pele muito espessa pelo coçar”. Dentre os importados recomenda-se dois: Carmol 10 ou 20 e o Ultra  Mide 25. São também recomendados emolientes que contenham ácido lático.

Use de anti-histamínicos. Os anti-histamínicos bloqueiam a liberação de histamina dos mastócitos, reduzindo os sintomas clássicos da cefaléia, da coriza, e da coceira. Por isso, ‘ anti-histamínicos sem receita médica como o, são bons para o eczema. Os anti-histamínicos reduzem o prurido ao evitar que a histamina atinja e edemacie as células cutâneas sensíveis. Aqui cabe uma advertência: devem ser usados em grandes doses para alcançar o alívio. Daí sobrevêm casos de sonolência, com problemas para quem dirige ou trabalha com máquinas perigosas.derma

Lavagem de roupa. Para lavar a roupa de pessoas com dermatite ou eczema, o problema está mais no enxaguar. ” É preciso ter certeza de que o detergente é enxaguado completamente”, avisa ele. ” Não se deve exagerar na quantidade de detergente e deve-se enxaguar a roupa duas vezes”.

A consulta ao oftalmologista. Numa pesquisa feita durante 20 anos com 492 pessoas, na Mayo Clinic em Rochester, no estado de Minnesota, 13 pessoas com dermatite atópica desenvolveram catarata. “Há uma incidência mais elevada de catarata entre essas pessoas”. ” Os atópicos devem procurar o oftalmologista com mais frequência”.

 

 

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: