Scroll Top

Doenças e Tratamentos

Prisão de Ventre – o que é, Causas e Tratamentos Naturais

Podem ser dias sem ir ao banheiro. Podem ser semanas. Quanto mais tempo, pior. Embora muitos não levem tão a serio seu intestino preguiçoso, trata-se de problema digno da melhor atenção, pois favorece o surgimento de doenças graves, como o câncer intestinal, além de provocar estado crônico de intoxicação orgânica, proporcionando assim o desenvolvimento de um sem-número de enfermidade.

Causas:

A causa principal é a falta de fibra na alimentação. A dieta popular, constituída de café e pão branco com manteiga de manhã, arroz branco, feijão e carne, com sobremesa de gelatina no almoço e no jantar (quando muito um pouco de legumes ou salada), é paupérrima em fibra. O refinamento dos alimentos abate a zero o teor fibroso, além de reduzir o valor nutritivo.

Outra causa é a falta de líquido na dieta. Percebemos que a maioria das pessoas bebe bem pouca água, o que, além de prejudicar os rins, pode contribuir para um quadro de prisão de ventre. Carnes, massas refinadas, salgadinhos, lanches rápidos, açúcar, laticínios, café, guloseimas, refrigerantes, biscoitos, doces, gelatina e cereais brancos, que são a base da alimentação de muitas pessoas, contém pouquíssima fibra. Um pouco de fruta e de verduras, juntamente com cereais integrais, devem constituir a base de uma dieta de saúde.

O estresse transtorna o funcionamento intestinal. Vida social agitada, sedentarismo (falta de atividade física), ansiedade e hábitos irregulares são fatores que causam ou agravam uma prisão de ventre. Muitos medicamentos podem provocar constipação. Entre eles, antiácidos á base de cálcio ou de alumínio, suplementos de cálcio, sedativos, antidepressivos tricíclicos, certos analgésicos, diuréticos, anti-histamínicos e antiparkinsonianos.

Exercícios físicos e constipação:

Pode ser necessário adotar um programa regular de exercícios físicos. Conforme o caso, serão prescritos exercícios abdominais, que fortalecem a cintura muscular lombo-abdominal. Um dos melhores exercícios é caminhar. Pelo menos uma hora por dia seria muito bom. Ás vezes, só caminhar não é suficiente. Pode ser preciso adotar um programa de exercícios que inclua abdominais.

Programa naturista de dieta:

Durante seis dias, adotar a seguinte dieta:

Desjejum — Escolher uma das seguintes frutas: abacaxi, uva, mamão, laranja. Comer juntamente com o bagaço.

Almoço — Saladas cruas (sugerimos salada de folhosos, salada de broto de feijão com chicória ou salada de triguilho com hortelã). Purê de abóbora ( sem manteiga ou margarina) ou arroz integral bem cozido, sem óleo. Acrescentar um pouco de farelo de trigo ao purê de abóbora. Legumes cozidos (cenoura, brócolis, quiabo, beterraba etc.). Observação.: Usar o mínimo de óleo e sal.

Jantar — Escolher uma das seguintes frutas: melancia, pêra, laranja, mamão, melão. Comer a laranja com o bagaço. Nos intervalos, se houver fome, frutas ou água de coco tomar bastante água.

A partir do sétimo dia, adotar dieta normal, saudável, observando apenas uma coisa: dia sim, dia não, em lugar do jantar, usar apenas uma qualidade de fruta, como mamão, laranja, uva, etc. Se preciso, acrescentar farelo de trigo á comida. Usar abundância de alimentos crus.

Plantas:

Primeira semana: Chá de bardana e dente-de-leão. Dose: três colheres, das de sopa, das plantas picadas para um litro de água, de 3 a 4 xícaras ao dia.

Segunda semana: Chá de chapéu-de-couro. Dose: três colheres, das de sopa, das plantas picadas para um litro de água, de 3 a 4 xícaras ao dia.

Terceira semana: Repetir o tratamento da primeira semana, e observar esta sequencia. A cáscara-sagrada, muito usada contra a prisão de ventre, pode causar danos ao intestino se usada frequentemente e por pessoas sensíveis.

Farelo de trigo:

Constipações mais rebelde costumam ceder com o uso de algumas colheres (duas ou três, das de sopa) de farelo, juntamente com as refeições, que também devem ser ricas em fibras de vegetais crus. Mas o excesso de farelo pode provocar hiperperistalse e má absorção de nutrientes.

Laxante matinal:

Mistura contra a prisão de ventre, tomada em jejum( pode substituir a primeira refeição):

Seis ameixas secas deixadas de molho em meio copo de água durante a noite. Descaroçá-las e colocá-las em liquidificador, juntamente com água. Acrescentar meio mamão papaia, 2 colheres das de sopa de farelo de trigo e 1 colher das de sopa de mel. Deixar de molho, também, durante a noite, uma colher das de sopa de linhaça semente de linho em um quarto de copo de água. Misturar tudo e liquidificar.

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: