As frutas exóticas são aquelas desconhecidas da maior parte da população. Não são encontradas na maior parte das quitandas, supermercados e sacolões do Brasil. Geralmente, são conhecidas apenas por pessoas que vivem na região de origem ou de produção da fruta. Muitas delas possuem formato, cor, cheiro e sabor diferentes das frutas que conhecemos. Não são produzidas em larga escala e, portanto, quando chegam a algum ponto comercial possuem preço elevado.

Principais frutas exóticas brasileiras e do mundo:

Pitaia – nativa da América do Sul (principalmente da Colômbia), possuí polpa adocicada e saborosa nas cores branca ou vermelha. É rica em vitaminas A e C, fibras e minerais (cálcio, ferro).

Fisalis – fruta pequena de cor amarela. Possui casca bem fina, que envolve a polpa. Possui sabor um pouco ácido e adocicado. É rica em vitaminas C e A. É nativa da América do Sul.

Cherimoia – sua casca é verde com presença de escamas. Sua polpa é doce e cremosa. É típica do território chileno. Possui grande quantidade de vitamina C.

Sapoti – originária da América Central, é uma fruta de formato arredondado e de casca na cor amarela. Possui polpa na cor amarelo claro de sabor adocicado. É rica em minerais e vitaminas C, B e A.exotica

Seriguela – pequena, de formato oval e de casca lisa e alaranjada. Tem origem em regiões de climas áridos da América do Sul e Central. É muito comum na região da caatinga e cerrado do Brasil. Quando madura, possui sabor levemente adocicado. É rica em vitaminas A, B e C, além de minerais (cálcio, fósforo e ferro).

Abiu – nativa da região da floresta amazônica, é uma fruta de casca lisa nas cores amarela ou branca. Carnuda, possui sabor adocicado. Possui de uma a quatro sementes pretas em seu interior. Possui formato e tamanho semelhantes a de um limão.

Granadilho – nativa das regiões da Cordilheira dos Andes, tem aparência parecida com a de um maracujá. Sua polpa, com presença de muitos caroços pequenos, é de sabor suave a adocicado. É rica em vitaminas A, C e K, além de sais minerais (cálcio, fósforo e ferro).

Jenipapo – fruta exótica nativa da Mata Atlântica e Floresta Amazônica. Possui formato arredondado e é do tamanho de um limão. A casca possui cor marrom esverdeado. A polpa é doce e levemente ácida. É rica em vitamina C, vitaminas do Complexo B , ferro e cálcio.

Kino – é uma fruta híbrida (cruzamento do kiwi com pepino). É típica do continente africano. Tem tamanho e formato de um melão, porém com presença de espinhos na casca. É rica em fibras, vitamina C, magnésio e proteínas.

Cupuaçu é fruto de uma árvore originária da Amazônia, parente próxima do cacaueiro. A árvore é conhecida como cupuaçuzeiro, cupuaçueiro ou cupu.

É uma fruta extremamente saborosa típica da região norte brasileira, muito encontrada no estado do Pará e Amazonas.

Bacuri
O Bacuri é uma das frutas mais populares da região norte e dos estados vizinhos à região Amazônica. É mais encontrado nos estados do Pará, Maranhão e Piauí, onde é um símbolo da cidade de Teresina.

||→ Leia Agora!  Reumatismo - o que é, causas e Tratamentos Naturais

Sua fruta mede cerca de 10 cm e apresenta uma casca dura e resinosa.

Romã
A romãzeira provém da Grécia, Síria e Chipre e também centro do Oriente Próximo, que inclui o interior da Ásia Menor, a Transcaucásia, o Irã e as terras altas do Turcomenistão.

Existem dois tipos de romãs: a vermelha, que possui uma grande quantidade de sementes e uma pequena parte carnosa, e a amarela, com um pequeno número de sementes e uma grossa parte carnosa, tipo mais comum no Brasil.
Carambola (Fruta Estrela)
A Carambola (ou fruta estrela) é o fruto da caramboleira, uma árvore ornamental de pequeno porte originária da Índia, sendo muito conhecida na China.

É considerada uma fruta de quintal, pois seu cultivo não é feito em escala, sendo produzida essencialmente em sítios, quintais, granjas e pomares de fazendas.

Aqui no Brasil é muito popular na Região Nordeste, mas é plantada em praticamente todo o território nacional.

Lichia
A Lichia é originária do Sul da China, encontrada principalmente na China, Índia, Madagáscar, Nepal, Bangladesh, Paquistão, sul e centro de Taiwan, a norte do Vietname, Indonésia, Tailândia, Filipinas, África do Sul e do México.

Os frutos se assemelham à morangos e são ricos em vitamina C, potássio, cálcio, fósforo e ferro. Seu interior lembra outra fruta: o Rambutão.

No Brasil, a produção da fruta concentra-se em São Paulo, seguido de Minas Gerais, Bahia e Paraná.

Rambutão
A Lichia é originária do Sul da China, encontrada principalmente na China, Índia, Madagáscar, Nepal, Bangladesh, Paquistão, sul e centro de Taiwan, a norte do Vietname, Indonésia, Tailândia, Filipinas, África do Sul e do México.

Os frutos se assemelham à morangos e são ricos em vitamina C, potássio, cálcio, fósforo e ferro. Seu interior lembra outra fruta: o Rambutão.cupu

 

Outras frutas consideradas exóticas:

Cupuaçu

Fruta-pão

Longan

Tamarillo

Buriti-miriti

Cambuci

Camu-camu

14 Benefícios das Frutas Exóticas para Dieta
Avalie Este Post!

Recomendados Para Você: