Dicas de Saúde

14 Segredo Para Uma vida Sexualmente Ativa

Você sem dúvida, ainda se lembra daquela noite.E pelas piores razões. Fora uma semana agitada.Você tinha trabalhado duro e só pôde chegar em casa depois da meia-noite,todos os dias. Hoje à noite, enfim, você vai poder ficar com sua mulher. Compro-lhe rosas.Ela abriu seu vinho preferido. Depois do jantar, depois de você tirar o fone do gancho, ela veio por trás e beijou-lhe o pescoço, daquela maneira  que sempre o deixa maluco. Tudo parecia se desenrolar de acordo com o plano.

Tudo, exceto uma certa parte de sua anatomia. Parte crucial.

E você ficou a se perguntar. Mas que droga está  acontecendo? Será que vai acontecer de novo ? O que posso fazer? Muita coisa.Primeiro, repare que você não é o único homem do mundo propenso a isso. ”Se os homens fossem   sinceros, todos diriam que sofrem pelo menos uma  vez de impotência na vida”,

Pode ter um efeito devastador quando ocorre”, explica ele. ”O conceito de integridade e masculinidade de um homem  pode ser prejudicado”.

Segundo os especialistas, cerca de 10 milhões de homens sofrem de impotência, termo usado quando o homem é incapaz de ter e manter a penetração até  ejacular.

Até o inicio da década de 70, acreditava-se que a maioria dos problemas de ereção se vinculava a problemas psíquicos. Hoje, a  comunidade  médica admite que quase a metade dos homens importantes tem um problema físico ou estrutural, que, ao menos em parte, é o responsável ela doença.sexual

Siga o conselho de nossos consultores e veja o que pode fazer para corrigir esse problema.

Dê tempo a si mesmo. ”Ao ficar mais velho, o homem pode levar mais tempo de estimulação para ter uma ereção”, ”Para homens de 18 a 20 anos, uma ereção pode ocorrer em questão de segundos. Nos trinta e quarenta anos, talvez um minuto ou dois. Mas se um homem de 60 anos não tiver uma ereção depois de um minuto ou dois, não significa que seja importante. Apenas leva mais tempo”.

O período entre a ejaculação e a próxima ereção  também tende a aumentar com a idade. Em alguns homens de 60 e 70, pode levar um dia  ou mais, para que tenham uma ereção. ” É consequência normal do envelhecimento”.

Considere os medicamentos em uso. Os medicamentos  prescritos  pelo médico podem estar na raiz do problema. Ou talvez estejam  anti-histamínicos, nos diuréticos ou nos sedativos que você usa sem receita médica. Repare, contudo, que o que tem efeito para o seu vizinho pode não ter para você.

Mais de 200 medicamentos já foram identificados como problemáticos. A impotência medicamentosa é mais comum em homens com mais de 50 anos,  Numa pesquisa publicada pelo jornal, realizada em 188 homens, os medicamentosos se mostraram  os responsáveis em 25% dos casos.

Se suspeitar de algum medicamento, consulte o médico ou o farmacêutico. Talvez ele possa alterar a dosagem ou trocar de medicamento. Mas não tente isso por conta própria.

Cuidado com as drogas ilícitas .Entre as drogas que  causam  o problema estão a cocaína, a maconha, os  opiáceos, as anfetaminas e os barbitúricos.

Bebidas alcoólicas. Shakespeare acertou na mosca quando que o álcool provoca o desejo mas tira o desempenho. Isso acontece porque o álcool é depressor do sistema nervoso. Inibe os reflexos, criando um estado oposto ao do despertar sexual. Mesmo dois drinques durante um coquetel podem trazer preocupação.

Com o decorrer do tempo, o álcool em excesso pode causar distúrbios hormonais.

“O abuso crônico do álcool causa lesões nervosas e hepáticas”, “Quando tiver lesão hepática, o homem passa a ter excesso de hormônios femininos no organismo”. É preciso ter o teor correto de testosterona para que tudo funcione normalmente.

Saiba que o que é bom para as artérias é bom para o pênis. ” Nos últimos cinco anos, ficou bastantes evidente que o pênis é um órgão vascular”, As mesma coisas que obstruem as artérias, o colesterol e a gordura saturada da dieta, também interferem no fluxo de sangue do pênis. Com efeito,  todos os homens com mais de 38 anos, têm algum estreitamento das artérias penianas. Portanto, cuidado com o que você comer. “O colesterol elevado é provavelmente uma das principais causas de impotência nos  EUA”, “Parece interferir no tecidos erétil”.

Não fumar. As pesquisas mostram que a nicotina pode causar constrição dos vasos sanguíneos, Uma pesquisa feita em cães, demonstrou  que a inalação de fumaça de apenas dois cigarros é suficiente para impedir a ereção plena em cinco cães e em seis de manter uma. Os pesquisadores acreditam que a inalação da fumaça do cigarro bloqueia a ereção por inibir o relaxamento do tecido muscular liso de natureza erétil.

Faça  o que achar bom para o seu corpo. Você está pensando em perder alguns quilos? Em praticar karatê? Em começar um programa de ginástica? Não hesite. ” O Sexo é contato corporal”, “Quanto mais se sentir bem com o corpo, melhor se sentirá para o sexo”.

Não exagere na ginástica. Se você se exercitar em excesso, vai estimula os opiáceos naturais do corpo. , as endorfinas. “Não temos certeza de como funcionam, mas tendem a diminuir a estimulação”, “A curto prazo, o exercício é benéfico. Além de um certo ponto, todavia, o corpo adquire o hábito de se proteger”.

Mitigar a dor. O corpo também produz opiáceos quando você sente dor. Esse opiáceos podem tirar os estímulos sexuais. ” Não há muito a fazer, exceto por melhor ocasião.

Relaxamento. É preciso paz de espírito. Saiba por quê. O sistema nervoso opera de dois modos. Quando o sistema simpático é dominante, o corpo literalmente fica em ” estado de alerta”. Os hormônios adrenérgicos  preparam você  para a luta ou para a fuga. Os nervos afastam o sangue do aparelho digestivo e do pênis para os músculos.

Você pode ativar esse sistema apenas em se sentir ansioso. Para alguns homens, o medo de fracasso é tão intenso que o corpo de noradrenalina, um hormônio adrenérgico. Exatamente o oposto do que você precisa para uma ereção. O segredo é relaxar e deixar que o parassimpático assuma o  comando. Os sinais que transitam por esse sistema orientarão as artérias e os seios venosos penianos a se expandirem e a deixarem entrar mais sangue.

Evite estimulantes. A cafeína e certas substâncias questionáveis, tidas como fomentadoras da potência. m”O principal, durante o sexo, é o relaxamento”, “Os estímulos costumam ter um efeito geral. Provocam a contração da musculatura lisa, que precisa se dilatar para ocorrer a ereção.

Redirecione sua atenção. Uma das maneiras de relaxar é concentrar-se com a parceira nos aspectos mais sensuais da intimidade. Brinquem juntos e desfrutem um do outro sem se preocupar com a ereção. “A pele é o maior órgão sexual do corpo “, Não o pênis. Portanto, não se deixe orientar por ele. Todo corpo tem de reagir.sexual-sexual

Planeje com antecedência. Considera um boa ideia decidir antecipadamente o que fazer, caso não se consiga uma ereção. “Quais as opções?” Se não se concentrar na ereção em si, vai ser mais fácil fazer uma ereção retomar.

Conversar com a parceira. Não arrisque aumentar a tensão no quarto, mantendo um silêncio tumular. Juntos, poderão descobrir o que ocorre. Pressões no trabalhos? A doença do filho? Uma questão delicada que os dois ainda não resolveram?

Se você compreender  algumas coisas que causam a impotência, poderá encontrar uma forma de explicá-la, se atribuir a algo que não exista. E  você deve considerar todas as demais alternativas. Poderiam continuar a fazer sexo de  outra maneira? Não deixe que a ereção, ou a sua ausência, interfiram na sua intimidade.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.