Scroll Top

caxumba dicas Dicas de Saúde

Caxumba O que é Causa e Tratamento natural

O que é Caxumba?
Sinônimos: parotidite epidêmica

Caxumba é uma infecção viral que afeta as glândulas parótidas – um dos três pares de glândulas que produzes saliva. As parótidas estão situadas entre suas orelhas e à frente delas. A caxumba é muito mais comum em crianças, e pode afetar uma das glândulas ou as duas. A caxumba era mais comum no Brasil antes da vacina ser inventada. Após as vacinas serem incorporadas ao calendário dos postos de saúde, o número de casos reduziu drasticamente. As complicações da caxumba são raras, e geralmente acontecem quando a pessoa contrai a doença na vida adulta. Não há tratamento específico para caxumba, por isso é importante prevenir seu aparecimento com a vacinação. A caxumba, também conhecida como papeira ou parotidite infecciosa, é uma doença infecciosa, pois propaga-se através da através da tosse, espirro ou da fala de pessoas infectadas. Geralmente, a Caxumba provoca sintomas como aumento de volume de uma ou mais glândulas salivares, dor, febre e mal-estar em geral. Conheça outros sintomas que podem surgir em Sintomas de caxumba.

Causas: A caxumba é causada por um vírus, que se espalha de pessoa para pessoa por meio de saliva infectada. Se você não tomou a vacina, pode contrair caxumba ao conversar muito próximo da pessoa infectada, beijá-la ou então compartilhar utensílios como talheres, copos e pratos. Uma vez infectada com caxumba, a pessoa pode contaminar outros no período entre seis dias antes do início dos sintomas até cerca de 9 dias após início dos sintomas. O período de incubação (tempo até o início dos sintomas) pode ser de 14 a 25 dias, sendo mais comum ocorrer entre 16 a 18 dias. O ser humano é o único hospedeiro natural da caxumba. Isso quer dizer que só é possível contrair pelo contato com outra pessoa infectada, não sendo possível contraí-la de animais ou plantas.caxumba1

Sintomas de Caxumba: Algumas pessoas podem ter caxumba sem apresentar qualquer sintoma, ou então sinais muito brandos da doença. Quando os sintomas se desenvolvem, eles usualmente aparecem após duas ou três semanas do contato com o vírus. O primeiro e mais importante sintoma é o inchaço das glândulas salivares. Outros sintomas incluem:

  • Inchaço e dor nas glândulas salivares (paroditite), podendo ser em ambos os lados ou em apenas um deles
  • Febre
  • Dor de cabeça
  • Fadiga e fraqueza
  • Perda de apetite
  • Dor ao mastigar e engolir.

O que fazer para aliviar os sintomas: Como não existe tratamento para eliminar o vírus do corpo, o tratamento da caxumba serve para minimizar os sintomas sentidos inclui:

 Repouso e hidratação: Repousar bastante para o corpo recuperar e beber muita água, chá ou água de coco, também é muito importante para a recuperação, ajudando a prevenir a desidratação.  Durante a recuperação, é importante evitar as bebidas ácidas, como alguns sucos de fruta por exemplo, pois podem acabar irritando as glândulas já inchadas.

 Alimentação mole e pastosa: Durante toda a recuperação, devido ao inchaço que ocorre nas glândulas salivares, que acaba dificultando a ingestão de alimentos.  Por isso, durante este período é recomendado, comer alimentos moles e pastosos como mingau de aveia, creme de legumes, purê de batata, arroz bem cozido, ovos mexidos ou feijão bem cozido por exemplo. Veja o que comer quando tem dificuldade para mastigar, em O que comer quando não posso mastigar. Porém, é importante evitar alimentos ácidos como frutas cítricas por exemplo, que podem provocar irritações.

Fazer regularmente a higiene bucal: Depois de comer, é sempre recomendado que faça uma higiene bucal rigorosa, para evitar o surgimento de outras infecções. assim, é recomendado que lave os dentes o melhor possível e que passe enxaguante bucal sempre que possível.  Além disso, fazer fazer gargarejos com água morna e sal regularmente também é uma ótima opção, pois além de ajudara limpar a boca e evitar infecções, ajuda a diminuir a irritação e a inflamação, acelerando a cicatrização. Para preparar este remédio caseiro, basta adicionar 1 colher de sopa de sal grosso a meio copo de água morna e misturar bem.

 Aplicar compressas mornas sobre o inchaço
Aplicar vária vezes por dia compressas mornas sobre a região inchada ajuda a reduzir o inchaço e o desconforto sentido. Para isso, é apenas necessário umedecer uma compressa em água morna e aplicar sobre a região inchada durante 10 a 15 minutos.  Geralmente, em adultos o tempo de recuperação varia entre os 16 e os 18 dias, sendo este menor no caso das crianças, que dura entre 10 a 12 dias. Esta é uma doença que nem sempre desde inicio manifesta sintomas, uma vez que pode ter um período de incubação de 12 a 25 dias depois do contágio.

Sinais de Melhora: Como o tratamento da Caxumba consiste num tratamento mais caseiro, é importante ficar atento aos sinais de melhora da doença que incluem uma diminuição das dores e do inchaço, redução da febre e sensação de bem estar.  É esperado que os sinais de melhora comecem a surgir 3 a 7 dias após o surgimento dos sintomas.

Sinais de Piora : Os sinais de piora podem começar a surgir 3 dias após o inicio do tratamento, e podem incluir sintomas como dor na região íntima, vômitos e náuseas intensos, aumento da febre e agravamento das dores de cabeça e de corpo. Nestes casos é recomendado que consulte um clinico geral logo que possível, para evitar outras complicações mais graves como meningite, pancreatite, surdez ou mesmo infertilidade. Saiba porque a Caxumba pode causar Infertilidade.  Além disso, para se proteger eficientemente contra esta doença, é recomendado tomar a vacina atenuada contra a caxumba e evitar o contato com outros indivíduos infectados e tomar. Quando se trata de crianças, estas podem receber a vacina Tríplice viral, que protege o organismo contra doenças infecciosas comuns, como caxumba, sarampo e rubéola ou a Vacina Tetravalente viral que protege do sarampo, caxumba, rubéola e catapora.

Tratamentos naturais para caxumba

Gengibre: Uma receita bastante usada para tratar os sintomas da caxumba é à base de gengibre. Você vai precisar de três colheres de sopa de gengibre em pó com quantidade de água suficiente para que forme uma pasta. Esta pasta deve ser colocada sobre o local onde aparece o inchaço, a fim de reduzir a inflamação. Para aliviar a dor, friccione polpa de aloe vera no local inchado sempre que sentir necessidade.

Açafrão: Você pode optar por uma pasta de folhas de margosa e açafrão em pó para tratar os sintomas da caxumba. Da mesma forma que a pasta de gengibre, misture os ingredientes com água até que adquira a consistência pastosa. Depois do preparo, deixa repousar sobre o local inchado por aproximadamente 15 minutos, diariamente.

Figueira sagrada: Separe e aqueça quatro folhas de figueira sagrada e regue, em seguida, com um pouco de azeite de oliva. Deixe esta solução por 15 minutos sobre a área inchada antes de dormir.

Água do arroz: Durante o dia, beba três a quatro copos da água do arroz cozido. Acrescente uma colher de chá de gengibre em pó ou uma colher de alho em pó. Caso prefira, você pode substituir esse preparado por um dente de alho, que pode ser ingerido todos os dias, até que os sintomas da caxumba sumam.

Evitar os cítricos: Pacientes que estão em tratamento contra a caxumba devem evitar o consumo de frutas cítricas, como o limão e a laranja. Prefira o suco de cenoura com espinafre, em quantidades generosas, todos os dias. Além disso, o repouso absoluto é uma das principais armas para acelerar o processo de recuperação.

Babosa usada como tratamentos naturais para caxumba: O uso da babosa é um remédio muito conhecido no sistema da medicina indígena para qualquer parte inflamados e doloridos do corpo, erva deve ser descascada de um lado, aquecido e, em seguida, polvilhado com um pouco de cúrcuma (açafrão), e depois enfaixar sobre o inchaço. Margosas que servem para tratamentos naturais para caxumba, as folhas de margosas também são úteis no tratamento da caxumba. As folhas desta árvore, combinada com açafrão, deve ser feita uma pasta e aplicada externamente sobre as partes afetadas. Isso vai trazer bons resultados.

Sugestões de tratamentos naturais para caxumba: Sabugueiro, tanchagem e alecrim (misturados). Dose: quatro colheres, das de sopa, das plantas picadas para um litro de água, 3 ou 4 xícaras ao dia, em cada xícara, acrescentar 20 gotas de própolis. Para higiene bucal, bochechos com chá de sálvia, tanchagem e 30 gotas de própolis, várias vezes ao dia. Infusão de camomila usada como tratamentos naturais para caxumba
A infusão de camomila é uma bebida reconfortante que alivia alguns dos incômodos desta doença.caxumba-caxumba

Ingredientes

  • 1 saqueta de camomila
  • 1 chávena (de chá) de água
  • Mel
  • Gengibre em pó

Modo de Preparo:Ferva a água e retire do lume. Acrescente a saqueta de chá e deixe repousar, tapado, durante 5 minutos. Retire a saqueta da água, acrescente uma pitada de gengibre em pó (apenas a pontinha do bico da faca) e uma colher de mel.
Sugestão: recomenda-se repouso máximo até que a papeira esteja curada.

Dieta da Caxumba: Suco de Laranja Diluído Com Água Morna. O paciente deve ser mantido em uma dieta de suco de laranja diluído com água morna em uma base (meio a meio), se o suco de laranja não condiz com o paciente, os sucos de outras frutas, como limão, maçã, abacaxi, uvas ou legumes como cenoura deve ser tomado. Para melhorar os resultados dos tratamentos naturais para caxumba, é essencial que sejam seguidas todas as dicas, consulte sempre o seu médico.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.