Ginkgo Biloba Para Que Serve, Benefícios, Como Tomar e Preço deste incrível remédio natural. Além disso, o Ginkgo Biloba ou árvore-averna, é uma árvore de origem Chinesa, que de acordo com os cientistas, é como um fóssil vivo, pois essa planta pode viver em torno de 4 mil anos.

ginkgo bilobaA Ginkgo Biloba possui grande importância para os japoneses, sendo considerada um símbolo da resistência e da paz, o Ginkgo é representado dessa forma pois, na Segunda Guerra Mundial, quando houve ataques de bombas atômicas, ela foi a única planta que nasceu novamente na área contaminada.

Por um tempo, a Ginkgo Biloba foi considerada extinta, mas algum tempo depois, com as descoberta da região rural da China, ficou mais fácil a criação de um sistema de plantio. O mesmo, auxiliou a difusão dessas árvores pelo mundo inteiro, inclusive no Brasil, permitindo assim, o fácil acesso ao seu consumo.

O sistema de geração de sementes, tornou a planta Ginkgo Biloba uma das dez plantas medicinais mais consumidas no mundo todo. A planta é utilizada também para combater os males da terceira idade, proporcionando bem-estar a quem consome-a e melhorando a qualidade de vida.

Propriedades da Ginkgo Biloba:

Considerado quase que um fóssil vivo – por se tratar de uma das árvores mais antigas do mundo, que já existia no tempo dos dinossauros – a Ginkgo Biloba tem sido amplamente estudada por apresentar em suas folhas compostos benéficos à saúde.

Pesquisadores já sabem que as folhas de Ginkgo Biloba contêm flavonoides e terpenóides – ambos antioxidantes – que lutam contra os radicais livres, e impede que estas moléculas causem danos às células.

Para Que Serve Ginkgo Biloba?

Combate Cólicas:

Mulheres que sofrem com cólicas, alterações de humor e inchaço durante o ciclo menstrual podem se beneficiar do uso de Ginkgo Biloba. De acordo com um estudo publicado em 2009 no Journal of Alternative and Complementary Medicine, mulheres que tomaram o suplemento três vezes ao dia do 16º dia do ciclo em que estavam até o 5º dia do ciclo seguinte relataram alívio dos sintomas da tensão pré-menstrual.

Tratamento Natural para a Impotência:

Não podemos dizer que a Ginkgo Biloba substitui a famosa pílula azul, mas pesquisadores já sabem que a planta pode ser utilizada no tratamento da impotência. Isso porque a principal causa do problema é a baixa circulação de sangue através do pênis – que pode ser inclusive resultante de uma arteriosclerose.

E, como já vimos, a Ginkgo Biloba aumenta o fluxo sanguíneo, efeito esse que pode melhorar não apenas a duração como a qualidade das ereções. Testes clínicos mostraram que a suplementação por seis meses com Ginkgo Biloba foi responsável por uma melhora nos quadros de impotência de até metade dos participantes do estudo.

Melhorar o Desempenho Cerebral e a Concentração:

O Ginkgo Biloba melhora a microciculação sanguínea, aumentando a quantidade de oxigênio disponível em vários locais do corpo. Um desses locais é o cérebro e, por isso, o uso desta planta pode facilitar o pensamento e aumentar a concentração, já que existe mais sangue chegando no cérebro para o seu correto funcionamento.

Além disso, como também possui ação anti-inflamatória e antioxidante, o uso contínuo de Ginkgo Biloba também parece evitar o surgimento de cansaço mental, especialmente em pessoas muito ativas.

Evitar a Perda de Memória:

Devido ao aumento da circulação sanguínea no cérebro e melhora da capacidade cognitiva, o Ginkgo também evita danos nos neurónios, combatendo a perda de memória, especialmente em idosos, ajudando a prevenir casos de Alzheimer.

Mesmo em pacientes que já têm Alzheimer, vários estudos apontam uma melhora da capacidade mental e de socialização, quando se utiliza o Gikgo biloba associado ao tratamento médico.

Combater a Ansiedade e a Depressão:

O uso de Ginkgo Biloba ajuda a melhorar a capacidade do corpo para lidar com os elevados níveis de cortisol e adrenalina, que são produzidas no organismo quando existe um episódio de muito estresse. Dessa forma, pessoas que sofrem com distúrbios de ansiedade podem ter benefício com o consumo desta planta já que se torna mais fácil lidar com o excesso de estresse que estão sentindo.

Também devido à sua ação sobre o equilíbrio hormonal, o Ginkgo Biloba diminui as alterações bruscas de humor, especialmente em mulheres durante a TPM, reduzindo o risco de desenvolver uma depressão.

Aumentar a Libido:

O Ginkgo Biloba parece aumentar a libido através do equilíbrio hormonal que provoca e do aumento da circulação sanguínea para a região genital, o que também acaba ajudando homens com disfunção eréctil, por exemplo.

Indicações:

O uso de Ginkgo Biloba é indicado para pessoas de todas as idades que queiram melhorar as funções neurológicas, aprimorar a memória, aumentar o desempenho cerebral em tarefas cognitivas ou então melhorar a circulação sanguínea nos membros inferiores.

A Ginkgo Biloba também é indicada para quem sofre com hemorroidas, asma, fibromialgia, dores de cabeça, impotência, falta de libido, má circulação e outras condições relacionadas a alterações do fluxo sanguíneo.

Como Tomar:

O Ginkgo Biloba é bastante fácil de ser utilizado, sendo muitas vezes recomendados pelos médicos ingerir 1 comprimido de 2 a 3 vezes ao longo do dia, esse comprimido pode variar dependendo da indicação médica sendo de 80mg até mesmo 120mg mudando consequentemente a quantidade de dose.

ginkgo biloba para que serveSua versão em chá com as folhas naturais é um método bem simples, basta fatiar duas folhas da planta, adicionar dois copos de água e ferver por quinze minutos; o ideal é consumir duas xícaras de chá ao dia.

É através da consulta médica, no qual os profissionais que estarão indicando a maneira correta para o paciente estar fazendo a utilização, pois cada corpo recebe o medicamento de forma diferente devido a cada metabolismo, assim ele estará controlando a quantia e quantas vezes o paciente terá que ingerir ao longo do dia.

Quando for fazer a utilização da planta medicinal em sua versão de cápsulas, o ideal é que as pessoas nunca mastigue o comprimido, pois ele pode perder algumas ações e levar mais tempo para estar fazendo o efeito, assim para facilitar o seu uso, você pode beber uma pequena quantia de água ao ingerir o remédio.

Contraindicações:

Mesmo sendo um suplemento alimentar comum, a utilização do Ginkgo Biloba requisita alguns cuidados, principalmente para as pessoas que utilizam medicamentos como agentes antiplaquetários, trombolíticos a base de ácido acetilsalicílico, diuréticos e anticoagulantes.

O Ginkgo Biloba não deve ser agregado a produtos que seja à base de alho ou derivados de salgueiro, isso pode aumentar a irritação mucusa gástrica. Além disso, o produto não deve ser utilizado durante a lactação, a gravidez, em caso de epilepsia e não é indicado para crianças.

Preço:

O Preço do Ginkgo Biloba é de aproximadamente R$32,00 pela caixa com 30 comprimidos de 80 mg cada. Uma marca conhecida do suplemento comercializa o produto online a R$84,00 a embalagem com 240 comprimidos de 60 mg cada.

Ginkgo Biloba: Para Que Serve, Benefícios, Como Tomar, Preço e Mais!
Avalie Este Post!

Recomendados Para Você: