A maioria das mulheres desconhecem as formas de Tratar Câncer de Mama, principalmente no inicio de quando eles são identificados. Cientistas, incluindo um pesquisador indiano-americano, identificaram uma molécula que pode ajudar a Tratar Câncer de Mama, dando esperança aos pacientes que se tornaram resistentes às terapias tradicionais.

A primeira molécula da classe ajuda a Tratar Câncer de Mama sensível ao estrogênio de uma nova maneira, disseram os pesquisadores. Os primeiros medicamentos da classe são aquelas que funcionam por um mecanismo único – neste caso, uma molécula que ataca uma proteína no receptor de estrogênio das células tumorais.

tratar câncer de mama

O potencial medicamento oferece esperança para pacientes cujo Câncer de Mama se tornou resistente às terapias tradicionais. Esta é uma nova classe de agentes de Câncer de Mama com receptor de estrogênio, fundamentalmente diferente. Seu mecanismo exclusivo de ação supera as limitações do Câncer de Mama.

Todos os cânceres de mama são testados para determinar se eles exigem estrogênio para crescer e cerca de 80 por cento são considerados sensíveis ao estrogênio, disseram os pesquisadores. Esses tipos de câncer podem ser tratados com terapia hormonal, como o tamoxifeno, mas até um terço desses cânceres acabam se tornando resistentes.

O novo composto é um tratamento altamente eficaz e de próxima geração para esses pacientes. Os medicamentos hormonais tradicionais, como o tamoxifeno, funcionam ligando-se a uma molécula chamada receptor de estrogênio nas células cancerosas, impedindo que o estrogênio se ligue ao receptor, um passo necessário para que as células cancerosas se multipliquem.

câncer de mama

No entanto, o receptor de estrogênio pode sofrer mutação e mudar sua forma ao longo do tempo, de modo que o medicamento de tratamento não mais se adapte perfeitamente ao receptor. Quando isso acontece, as células cancerígenas começam a se multiplicar novamente.

Tem havido um interesse intenso em desenvolver drogas que bloqueiam a capacidade do receptor de estrogênio – o principal alvo na maioria dos cânceres de mama – de interagir com as proteínas co-reguladoras que causam o crescimento do tumor. Bloquear essas interações tem sido um sonho para os pesquisadores de câncer há décadas.

O medicamento funciona bloqueando outras moléculas proteínas chamadas cofatores, que também devem se ligar ao receptor de estrogênio para que as células cancerosas se multipliquem. A nova molécula, apelidada de ERX-11, imita um peptídeo, ou bloco de construção de proteínas.

como tratar câncer de mama

E ai, você gostou de descobrir está nova solução para Tratar Câncer de Mama? Temos certeza que sim, por isso, corra agora mesmo e compartilhe este artigo com seus amigos e familiares. Até o próximo artigo.

Recomendados Para Você:

Escrito por

Douglas Medrado

Olá, eu sou o Dr. Douglas Medrado. Sou médico, fisioterapeuta, celíaco e estudioso em alimentação saudável sem glúten. Dedico parte da minha vida em produzir conteúdo para ajudar as pessoas que sofrem com obesidade, diabetes e outras tantas doenças.